Páginas

5 de julho de 2007

Vocabulário de Apoio

Vocabulário de Apoio

O Vocabulário de Apoio consiste no lançamento de palavras que serão estudadas gradativamente. Ele é escolhido pelo aluno, nada mais natural do que começar pela pergunta: que palavrinhas vocês gostariam de conhecer?
Uma palavra será estudada de cada vez, portanto, muitas vezes, é aconselhável escrever em folha de blocão todas as palavras sugeridas.
O alfabetizador deve condicionar o lançamento de uma palavrinha nova à comprovação de que conseguem ler frases formadas com as palavrinhas anteriores.
Vantagens de se usar palavras escolhidas pelos alunos:


1. Carrega significado para eles;
2. Dispensa motivação artificial criada pelo educador;
3. É sempre carregada de vida;
4. É fruto de interesse real;
5. são facilmente memorizadas;
6. Dispensa todo o trabalho das antigas pesquisas;
7. Propicia aceitação pelo voto, acata à vontade da maioria e exercita a democracia.

O que é fundamental é não deixar a palavra vazia de vida; bastará ao educador criar um “clima” e desenvolver diversas atividades relacionadas à palavra lançada.
A palavra escolhida poderá então ser lançada (junto a uma grande incentivação) em sua forma escrita, no quadro de giz e, imediatamente, escrita também numa folha de papel que será ilustrada e ficará exposta em local acessível a todos para que a utilizem nas futuras leituras e trabalhos escritos.
Este é o início da construção do vocabulário de apoio! A ilustração das palavras é indispensável, pois mantém o significado e possibilita o seu uso pelos alunos em consultas e verificações; além disso, envolve o ambiente num clima apropriado de motivação pelo estudo.
O alfabetizador deve impedir que haja repetição de alguns sons em detrimento de outros. O vocabulário total não deve ultrapassar de 45 palavras, dentre elas substantivos, adjetivos e verbos, para que possam ser formadas frases e textos.

O vocabulário não deve crescer indefinidamente!

O lançamento de palavras deve continuar até que o educador sinta:
- que todos os sons e letras já apareceram;
- que os alunos lêem com compreensão e escrevem, como forma de expressar suas idéias, textos de 3 a 5 linhas, usando o vocabulário da turma.

Apresento aqui algumas palavras do meu Vocabulário de Apoio:

Beijinhos!!!

4 Comentários:

Rosa Maria disse...

Tati, realmente todas suas dicas são maravilhosas. Quando abro sue espaço, fico fascinada com as idéias. Louca para trabalhar com meus alunos. Só gostaria que em todas suas lembrancinhas vc enviasse também os moldes para confeccioná-las, seria mais fácil. Bjoooss!!!!!ROSA Obrigada!!!!!!
Email: rosaperuchini@hotmail.com

Carmem Lucia Correa De Castro disse...

Oi Tatiane estou pela primeira vez visitando seu blog e amei, as atividades sao simples faceis e possiveis de serem feitas alem de bonitas..Estou copiando essa e postando lá no meu blog (claro com seus creditos) e levando tbm para os professores com os quais trabalho. Gostei to seguindo e te convido a conhecer o meu, simplesinho que agora estou iniciando e meu vies é da educaçao porem o foco é um pouco diferente. Bjsssssssssss

Anônimo disse...

OI, Tati!!! parabéns pelo blog e mais do que isso pela iniciativa de dedicar seu precioso tempo compartilhando seu conhecimento... Muitas aividades ricas!

Estou trabalhando com alunos de 4ºano que estão em processo de alfabetização, com muitas dificuldade nos fonemas complexos e suas atividades estão contribuindo para que eu possa adaptar ao meu trabalho que é praticamente de jovens e adultos, pois tenho uma turma mista. com alunos de até 16 anos. Parabéns!
Meu e mail é suzana.r.queiroz@hotmail.com

Anônimo disse...

Adorei suas ideias e tenha certeza que elas ajudam muitos colegas assim como está me ajudando.Trabalho com turmas do 4º e 5º ano. Muito obrigada. meu email
maristela.baeta@hotmail.com