Portal Educação: Parceria que capacita!

Curso online de Educação Infantil (Teorias e práticas pedagógicas)

Leiturinha: parceria que encanta!

Como escolher a pré-escola do seu filho


Apesar de ainda não ser obrigatória no Brasil, a Educação Infantil é reconhecida como uma das fases mais importantes da vida escolar de uma criança. Quando bem estimulada, a criança consegue avançar em todas as esferas do desenvolvimento, obtendo ganhos na aprendizagem, na sua capacidade motora, na forma de se relacionar e de trabalhar emoções e sentimentos. Tantos são os benefícios que muitos pais ficam apreensivos na hora de escolher uma pré-escola ou creche para o seu filho, e começam a acumular dúvidas. 

Por que é importante matricular meu filho na pré-escola?

Porque a pré-escola é um espaço de trocas, de aprendizagem, de constituição de identidades e de inserção sociocultural. Frequentar pré-escolas pode ajudar as crianças a se desenvolverem nas suas dimensões motora, sensorial, emocional, cognitiva e socioafetiva. De acordo com pesquisas nacionais e internacionais, crianças que frequentam uma Educação Infantil de qualidade obtêm ganhos em todas as áreas do desenvolvimento humano. Angela Soligo, coordenadora do curso de pedagogia da Unicamp, em Campinas, lembra: "Na Educação Infantil a criança está em um espaço que é preparado para a sua educação, sendo estimulada de acordo com a fase do seu desenvolvimento".

Como são os professores da pré-escola?

Gostar de criança e saber cuidar dela é importante para um profissional da Educação Infantil, mas só esses requisitos não bastam. O professor de hoje em dia precisa ter preparação e formação adequadas. Ele precisa ter um bom curso de pedagogia e participar, com frequência, de cursos de capacitação, por meio dos quais ele possa atualizar o seu conhecimento. Segundo Cristina Carvalho, professora da Faculdade de Educação da PUC-Rio, no Rio de Janeiro, o professor precisa dominar teorias do desenvolvimento humano que ajudam a compreender a lógica infantil, as necessidades e especificidades da criança. Ao visitar uma escola, peça para conhecer um professor e conversar com ele. Veja como ele se expressa, como ele apresenta seus métodos de trabalho e também como ele se relaciona com sua turma. Uma dica da pedagoga Adriana Oliveira Lima é observar se a professora olha para todas as crianças e se tem uma relação verbal com elas todas (em vez de centralizar sua atenção em apenas algumas). Repare também se as crianças recorrem à professora, se a procuram, se existe ligação entre elas.

Como deve ser a estrutura da pré-escola?

Eis uma questão central para qualquer pré-escola: o espaço físico oferecido às crianças. Este espaço precisa ser amplo, seguro e com diversidade de ambientes internos e ao ar livre para permitir a realização de diferentes atividades. Além desses detalhes, os pais também precisam ficar atentos às condições de higiene e de limpeza dos ambientes, principalmente do refeitório. Procure saber se as refeições são preparadas lá mesmo e o que costuma ser servido. Para crianças de até três anos é interessante que a escola ofereça ambientes para descanso. Confira se este espaço é tranquilo, limpo e arejado. Preste atenção também à segurança oferecida. Há muitas escadas? A criança consegue circular tranquilamente? Os pequenos transitarão entre crianças maiores? Também é interessante que a pré-escola tenha hortas e um lugar com alguns animais, para a criança desenvolver o hábito do cuidar, do cultivar. A pedagoga Adriana Oliveira Lima dá uma dica aos pais: "Ao visitar uma escola, procure sentir se aquele é um ambiente onde se aprende, e não apenas recreativo".

Que materiais pedagógicos não podem faltar em escolas de Educação Infantil?

Não podem faltar materiais simples, mas que ofereçam boas possibilidades de trabalho, como blocos lógicos e outros blocos de encaixe, material dourado (recurso pedagógico para trabalhar a matemática) e muitos livros. Maria Claudia Sondahl Rebellato, assessora pedagógica em Curitiba, PR, acha essencial que toda sala de aula tenha cantinhos de leitura com gibis e livros ao alcance de todos. Uma sala de vídeo ou DVD também é bem-vinda em pré-escolas, bem como um laboratório de informática e uma sala de música. Mas lembre-se de que o importante mesmo é a forma como todos esses recursos são usados no dia a dia.

Quantas crianças há em cada sala de aula?

Na Educação Infantil, ensino de qualidade é sempre associado a salas com turmas pequenas e bem atendidas pela professora. O Conselho Nacional da Educação estabelece um limite de crianças por educador, de acordo com a idade:

0 a 2 anos: máximo de 8 crianças por educador
3 anos: máximo de 15 crianças por educador
4 e 5 anos: máximo de 20 crianças por educador

Mas atenção: o Conselho determina também que crianças de zero a três anos precisam de um espaço de 1,5 metro em sala de aula e crianças de 4 e 5 anos, de um espaço de 1,2 metro. Algumas escolas optam por colocar uma ajudante de sala para auxiliar o professor nos cuidados com as crianças, mas não é obrigatório.

A pré-escola tem propostas atuais?

A Educação Infantil mudou muito nos últimos anos. Antes, o foco de uma creche ou pré-escola estava no cuidar, agora está no educar - tendo como meio para isso o brincar . Esteja atento a essas mudanças ao visitar pré-escolas. A escola conseguiu acompanhar os tempos? Que propostas de ensino a coordenação apresenta em seu discurso? Como ela se posiciona em relação à avaliação dos alunos (nota, conceito, avaliação dos professores)? E em relação à mobilidade entre as fases (maternal, jardim I, II etc)? Algumas escolas não aceitam que a criança retorne para uma fase anterior por não estar acompanhando o ritmo da turma e outras sim. Outro ponto a se observar é se a escola trabalha com psicomotricidade (atividades específicas de movimento que ajudam a criança a tomar consciência de seu corpo) e se oferece um ambiente alfabetizador, com muitas situações de leitura e escrita.


Fonte: http://educarparacrescer.abril.com.br
Texto: Juliana Bernardino

1 Comentários:

Adriana Dezerto disse...

Seu post é esclarecedor, excelente. è muito bom que todos saibam sobre a importância da educação infantil.Fase fundamental no desenvolvimento da criança.Um abraço♥